Um trio feminino na final do Brasileiro Escolar de Futebol

Aracaju - Para coroar o trabalho desenvolvido pela arbitragem no Brasileiro Escolar, nada mais importante do que uma árbitra da FIFA, para dirigir a grande final. E foi o que fez o Coordenador de Arbitragem da competição, Demo Oliveira. Não só colocou um trio feminino, mas escalou Thayslane Melo, uma das quatro árbitras da Fifa no Brasil.

Apesar de ser uma competição de futebol masculino, o IX Campeonato Brasileiro Escolar de Futebol contou com a imperatividade feminina em campo. Sobre o empoderamento feminino em campo, em competições desse segmento, ela enfatiza.

- O escolar é onde tudo começa. A gente fica muito feliz pela oportunidade de poder representar a arbitragem sergipana, em uma final de competição nacional. A importância do jogo e tudo que a gente trabalha, para poder galgar o espaço feminino. A gente está tendo a oportunidade da arbitragem feminina e da arbitragem sergipana. Então, eu fico muito feliz por oportunidades como essa.

Thayslane Melo é a primeira arbitra sergipana credenciada pela FIFA. Além dela apenas os árbitros Sidrack Marinho e Cleriston Barreto Cley conseguiram o feito.

Sobre o posicionamento feminino na arbitragem brasileira, Thayslane enfatiza.

- Olha, a comissão tem nos prestigiado bastante. Nós temos trabalhado na competição na Série A1 e tem correspondido a expectativa da comissão. Isso é muito importante. Hoje a gente pode aproveitar, porque nos dias atuais sofremos um pouco menos. As pioneiras realmente sofreram bastante, para conseguir o espaço, que está sendo dado. E nós temos aproveitado bastante - revelou a árbitra da FIFA.

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira do Desporto Escolar
Informações: +55: 061 99136-0090 / +55: 061 3967-7176 - Jesus Filho
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Texto: Carol Vieira
Fotos: Carol Vieira
Endereço sede: Setor Bancário Norte, Quadra 2, Lote 12
Bloco F, Brasília - Distrito Federal

Ler 698 vezes Última modificação em Sábado, 17 Agosto 2019 17:54
Marcado sob

Itens relacionados (por marcador)

  • FBEE/BA - Destaque do Campeonato Brasileiro Escolar de Futebol

    Encerramos a competição com saldo muito positivo. No feminino a EEEM Ceciliano Abel de Almeida - São Mateus ficou em 3º lugar na série bronze, e no masculino a escola Emílio Nemer - Castelo, ficou em 2º lugar também na série bronze.

    Parabéns a todos!


    Federação Baiana de Esporte Escolar

    A Federação Baiana de Esporte Escolar, tem como objetivo promover e contribuir para o esporte escolar baiano!

    Federação Baiana de Esporte Escolar - FEBRE
    Presidente: Ari Souza
    Rua Natuba, 2º andar, sala 203, Pernambues – Salvador/BA
    CEP 41110-542
    Fones: (71) 99917-0944 Fixo (71) 31044545
    email: fbeebahia@gmail.com / aribasquete@yahoo.com.br / secretaria@fbee.org.br
    site: www.fbee.org.br

  • CAMPEONATO DE FUTEBOL FEMININO CBDE 2019

    CAMPEONATO DE FUTEBOL FEMININO CBDE 2019

    CAMPEONATO DE FUTEBOL FEMININO CBDE 2019 - Imagens: Fotógrafo Pedro H. dos Santos - MACEIÓ-AL 2019

  • Porto Velho receberá Centro de Desenvolvimento do Futebol até 2020, diz responsável da CBF Social

    O auditório da escola Major Guapindaia, em Porto Velho, ficou movimentado, após a visita da Comissão Social da Confederação Brasileira de Futebol na manhã desta quinta-feira, 23. O local recebeu o seminário sobre Futebol na Infância e na Adolescência – Projeto Gol do Brasil. O evento contou com a participação de autoridades, estudantes, professores e atletas.A escola Major Guapindaia foi escolhida pelo destaque como centro de treinamento de Desporto Escolar em Rondônia.

    Em entrevista à CBN Amazônia Porto Velho, o presidente da Federação de Futebol do Estado de Rondônia (FFER), Heitor Costa, destaca a importância da visita da CBF Social na capital.

    O objetivo da vinda do Diogo, que é o diretor de sustentabilidade e responsável pelos projetos sociais na CBF, inclusive o Gol do Brasil, é fazer conhecido o projeto, que até foi levado ao prefeito, pois é um projeto que abrange muitos bairros e comunidades estudantis, principalmente das escolas municipais. Assim a CBF daria um apoio muito grande e uma reciprocidade da prefeitura - diz Heitor.

    Diogo Netto, gerente da CBF Social, fala da construção do Centro de Desenvolvimento do Futebol e de prazos para a entrega da obra. Estivemos com o prefeito para falar sobre o projeto Gol do Brasil, que a CBF vai construir um centro de desenvolvimento do futebol nos 15 estados que não tiveram Copa do Mundo e aqui em Porto Velho receberá um centro. Umas das atividades vai ser o Gol do Brasil, que é uma escola cujo o objetivo é formar cidadão por meio do futebol. Acreditamos que no máximo ano que vem o centro esteja construído - fala Diogo.

    A comissão do CBF Social chegou na capital de Rondônia no último dia 22 de maio e seguirá até o próximo dia 24. CBF Social é responsável por fomentar ações de responsabilidade social por meio do esporte.

    Fonte: Globo Esporte.com

     

     

  • Utilidade SP: Campeãs mundiais do futebol feminino são recebidas pelo prefeito Bruno Covas

    Da Assessoria da Prefeitura SP - O prefeito Bruno Covas recebeu nesta quarta-feira (14), em seu gabinete, as jogadoras da equipe sub-15 do futebol feminino do Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa (COTP), administrado pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEME). Em julho, elas conquistaram a Disney Cup, campeonato mundial da categoria, disputado em Orlando, nos Estados Unidos.


    O secretário municipal de Esportes e Lazer, Carlos Bezerra Jr, participou do encontro do prefeito com as multicampeãs. Além da Disney Cup, as jogadoras venceram recentemente a Copa Sul-Americana, no Paraguai; o Campeonato Brasileiro e o Campeonato Paulista.

    O prefeito Bruno Covas e o secretário Carlos Bezerra Jr falaram dos projetos para a melhoria do Centro de Olímpico de Treinamento e Pesquisa e demais Centros Esportivos municipais.

    O Centro Olímpico da Prefeitura de São Paulo é referência no futebol feminino. É o único clube do país a ter categoria sub-11 para as meninas. Elas começam no COTP aos 8 anos e podem ficar até os 17. As atletas não pagam para treinar e têm um campo exclusivo.

    São cerca de 100 jogadoras em todas as categorias. Há também peneiras categorias que são cada vez mais concorridas. A última, realizada no dia 9 de agosto, reuniu 150 meninas.


    Texto e foto: Pérola Stewart - pstewart@prefeitura.sp.gov.br

  • Vem aí: Jogos da FRDEDF de 2019

    Os Jogos da FRDEDF ocorrem anualmente em acordo com o calendário oficial da Confederação Brasileira do Desporto Escolar - CBDE. Esta, por sua vez, segue o calendário da Federação Internacional do Desporto Escolar (International School Sport Federation) - ISF. A cada ano, normalmente são realizados os nossos jogos regionais no primeiro semestre, os Brasileiros Escolares no segundo semestre e, no primeiro semestre do ano seguinte, os Mundiais Escolares da ISF.

    Neste primeiro semestre teremos os Jogos Infanto-Juvenis (nascidos em 2002, 2003 e 2004 - 15 a 17 anos). Ocorrem regularmente desde 2005. Os campeões, a depender do calendário oficial da CBDE, são credenciados para representar o Distrito Federal nos Brasileiros Escolares, que são seletivas nacionais para os Mundiais Escolares da ISF. Neste ano de 2019, serão realizadas competições em ambos os gêneros para as modalidades de: Futebol, Futsal, Basquete, Basquete 3x3, Vôlei, Vôlei de Praia e Handebol. As destacadas em negrito, são as modalidades que teremos competição nacional já prevista, portanto, os campeões representarão nossa unidade federativa, buscando também o credenciamento para ser o Brasil no Mundial Escolar da ISF, da modalidade.

    Para o Handebol, a situação é ainda mais interessante! O Brasileiro Escolar será realizado aqui mesmo, em Brasília, no período de 04 a 08 de outubro! Assim sendo, ao invés de termos apenas uma equipe de cada gênero, teremos duas equipes! Serão as finalistas dos nosso Jogos da FRDEDF de 2019!

    Já no segundo semestre de 2019, acontecem os Jogos Infantis (nascidos em 2005, 2006 e 2007). As modalidades são as mesmas ofertadas no primeiro semestre, porém, não há Brasileiro Escolar para essa categoria.

Entre para postar comentários

Com sede na cidade de São Paulo/SP (Capital) o Site Esporte Escolar é um portal dedicado à todos que querem ficar bem informados sobre o Esporte Escolar do Brasil.

Top